Artesão do Baixo Rio Negro concorre ao 4º Prêmio do Objeto Brasileiro

3 Oct, 2014

Artesão do Baixo Rio Negro concorre ao 4º Prêmio do Objeto Brasileiro

Entre os 40 trabalhos de artesanato selecionados para concorrer ao 4º Prêmio do Objeto Brasileiro, promovido pelo museu “A Casa”, encontra-se a peça arraia em madeira do artesão Célio Aragó Terêncio, da Comunidade Nova Esperança, no Baixo Rio Negro, onde atua o IPÊ por meio do Projeto Eco-Polos Amazônia XXI. Agora, o artesão concorre com profissionais de todo o Brasil pelo primeiro lugar na competição.

Com a seleção, a peça em madeira de Célio será exposta no museu “A Casa”, em São Paulo, a partir do dia 22 de outubro de 2014. Na mesma data a comissão avaliadora irá divulgar o resultado final.  A premiação para o fabricante da melhor peça entre as 40 será de R$ 5 mil. O segundo lugar também receberá uma premiação em dinheiro na quantia de R$ 2,5 mil.

Para os pesquisadores do IPÊ, Nailza Pereira e Luiz Filho, que acompanharam todo o processo de inscrição para a seleção, Célio representa o talento de muitos outros artesãos da região do Baixo Rio Negro.

Célio, que tem o artesanato como principal fonte de renda, produz essa mesma peça há 3 anos. “Quantas arraias em madeira eu fizer eu consigo vender. Fico feliz em ser selecionado porque é mais uma forma de reconhecimento ao meu trabalho”, ressaltou.

Além de vender suas peças na comunidade Nova Esperança, Célio também é artesão da Galeria Amazônica, no Largo São Sebastião, em Manaus. Caso vença a competição, Célio já pensa em utilizar o dinheiro para ampliar o seu negócio. “Sempre tive um sonho de construir um lugar para que eu possa trabalhar e expor esse meu trabalho. Se conseguir esse prêmio quero investir nisso”.

A arraia em madeira inscrita na competição tem 36 centímetros de largura e 19 centímetros de comprimento.  A peça é feita com três tipos de madeira: itaúba preta, itaúba amarela e marupá.

Trabalhando com o artesanato Célio já participou de feiras e exposições nacionais promovidas com o apoio do IPÊ.

A Casa

O museu do objeto brasileiro “A Casa” tem como objetivo contribuir para o reconhecimento, valorização e desenvolvimento da produção artesanal e do design, incrementando a percepção consciente a respeito do produto brasileiro bem como promovendo sua produção cultural. Como mediador de processos culturais, incentiva a pesquisa e a troca de informações entre diversas instituições.

 

Arraia em madeira é uma das 40 peças selecionadas para o Prêmio. Foto: IPÊ

Arraia em madeira é uma das 40 peças selecionadas para o Prêmio. Foto: IPÊ

Texto: Lívia Anselmo | Assessoria 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>